February 2020

A MELHOR CURA PARA IMPOTÊNCIA SEXUAL NATURALMENTE

Desde o lançamento do medicamento para disfunção erétil Viagra no mercado, em meados da década de 90, houve vários relatórios clínicos sobre as complicações associadas ao medicamento para disfunção erétil. Usuários de Viagra relatam efeitos colaterais adversos ao medicamento, incluindo complicações cardiovasculares e oculares. No entanto, apesar dos relatos de efeitos colaterais graves, homens de várias idades ainda optam por usar o Viagra como uma cura para a disfunção erétil.

O Viagra trabalha no tratamento da disfunção erétil em primeiro lugar, bloqueando duas enzimas específicas no corpo, conhecidas como PDE5 e PDE6, que existem por todo o corpo, mas em concentrações mais altas no pênis. O problema aqui: o PDE6 também desempenha um papel importante nos processos que tornam a visão possível. Assim, o bloqueio da enzima causa complicações com a visão de alguns usuários de Viagra.

Os defensores do Viagra argumentam que os relatos de complicações do Viagra podem ser explicados pelo envelhecimento – que o problema de visão normalmente relatado pelos usuários do Viagra são meros resultados do processo de envelhecimento. Mas, considerando que os efeitos colaterais ocorreram mesmo nos usuários mais jovens do Viagra, sabemos que isso não pode explicar todos os casos do efeito colateral adverso. Na verdade, podemos determinar que, em muitos casos, o Viagra faz com que os homens fiquem cegos.

Isso não quer dizer que o Viagra não tenha seus atributos positivos. Os usuários do Viagra certamente parecem agradecer ao medicamento para disfunção erétil, por seus efeitos em seus relacionamentos sexuais. Mas o custo da satisfação sexual é muito alto para os homens?

Os homens parecem dispostos a arriscar remédio para impotência feminina a vida e os membros pela oportunidade de ter uma função normal do pênis na forma de um pequeno comprimido azul fácil de engolir, mas com riscos tão grandes como complicações cardiovasculares e oculares, precisamos nos perguntar se o risco se equilibra. com a recompensa.

Para os homens que desejam evitar as complicações associadas ao Viagra, existem outras opções mais naturais para a cura temporária da disfunção erétil. Após a popularidade do Viagra em meados dos anos 90, muitas empresas começaram a comercializar alternativas naturais de aprimoramento masculino ao medicamento popular .

No entanto, os usuários do Viagra ainda continuam usando o Viagra, apesar do risco de cegueira e outras complicações óbvias e prevalentes associadas ao medicamento fabricado.

É necessária uma maior conscientização pública sobre as complicações perigosas associadas ao Viagra, bem como uma maior conscientização pública sobre as alternativas naturais extensor peniano funciona de aprimoramento masculino ao medicamento para disfunção erétil. Ao educar os usuários do Viagra, podemos garantir que menos homens percam a visão devido a este medicamento para disfunção erétil, muito perigoso. Os homens não deveriam ter que escolher entre sua visão e sua vida sexual, e as muitas alternativas naturais de aprimoramento masculino ao Viagra tornam essa escolha desnecessária.